Gasometria



Consulta da Dor Crónica

A dor crónica é geralmente definida como uma dor persistente ou recorrente durante pelo menos 3-6 meses, que muitas vezes persiste para além da cura da lesão que lhe deu origem, ou que existe sem lesão aparente.

A dor crónica não tem qualquer vantagem para a pessoa, pelo contrário, para além do sofrimento que causa, tem repercussões na saúde física e mental da pessoa.

No campo da saúde mental, a dor crónica provoca frequentemente insónias, ansiedade, depressão e cansaço.

Há pois uma tendência atualmente para encarar a dor crónica não como um mero sintoma mas, muitas vezes, como uma doença por si só, com enormes repercussões sobre a pessoa e a sociedade pelo sofrimento e custos sócio-económicos que lhe estão associados.

 
A consulta da Dor Crónica tem como objetivos:

- Elaboração de historial clínico
- Realização de exame físico detalhado sobre a dor
- Prescrição e Avaliação de exames complementares de diagnóstico
- Diagnóstico, acompanhamento e tratamento personalizados
- Controlo da dor e minimização do sofrimento e consequente impacto na qualidade de vida
 
 
Exemplos de causas de dor crónica:
  1. Músculo-esquelética e articular: cervicalgia, lombalgia, ciática, artrose.
  2. Neuropatias
  3. Neoplásica/Oncológica
  4. Auto-imune: Artrite Reumatóide, Espondilite Anquilosante
  5. Infecciosa: Zona
  6. Fribromialgia


Consulta disponível em:

@Sintra


Horário de Consultas:

2ª e 3ª Feira 5ª Feira  
9h-13h 15h-19h  

  


Conselhos:

O melhor conselho é procurar ajuda. 

À semelhança das outras doenças crónicas, a dor crónica não tem cura mas pode e deve ser tratada.

Atualmente há diversos tratamentos disponíveis que permitem melhorar muito a qualidade de vida das pessoas, ajudando a controlar a dor.

A consulta de dor crónica ajuda a estabelecer soluções de tratamento a quem sofre de dor crónica, com apoio especializado e capacidades terapêuticas adequadas a cada doente.

 

 

MÉDICOS
design binário